Publicidade | Anuncie
Destaques

Petit suisse

Ao contrário do que anunciava a propaganda ele não vale por um bifinho nem por 1 iogurtinho, porque na verdade ele não pode ser considerado iogurte, [...]

Meu filho não come

Essa frase é a que mais escuto, mais recebo email de queixas, e comentários no blog. Não tenho formação especifica para poder escrever teses sobre esse assunto [...]

Leites e fórmulas

Não há dúvidas que o leite materno é o melhor leite que o bebê possa receber, porém sabemos que... [...]

Postagens

18 dezembro 2014

2015 com pé direito



No mundo ideal, a gente só engravidaria depois de ter planejado 100% as finanças para receber um filho. Só que, no mundo real, tem muita criança que vem... no “susto”! Com o Dudu mesmo foi assim, rsrs. Vira e mexe me pego pensando como gostaria de já ter me organizado para começar um pé de meia para ele. Imagina ter um investimento para ele usar como bem quisesse quando completasse 18 anos? Poderia fazer uma faculdade, um intercâmbio ou até mesmo começar seu próprio negócio!




Por experiência própria sei que juntar dinheiro não é fácil. E se alguém der um empurrãozinho para isso, no valor de R$ 2015? Pois é isso que a Icatu Seguros quer fazer por você e adorei a iniciativa. Para quem está grávida ou conhece alguém que esteja, a novidade é ainda mais legal. Isso porque quem ganhará será seu bebê! As crianças que nascerem no Brasil de PARTO NORMAL entre 0h e 2h do dia 1 de janeiro vão receber, gratuitamente, um plano de previdência com R$ 2.015 sem sorteios e sem cadastro prévio. Para participar, basta a família entrar em contato com a Icatu Seguros por meio do site  www.osbebesdavirada.com.br e consulte o regulamento.
Não tem jeito melhor de começar o ano do que com o seu bebê nos braços e um dinheirinho garantido para ele de presente no banco. Então, é torcer para o seu filho querer nascer na noite de Réveillon. Que ele chegue com saúde para dar e vender, porque o dinheiro no bolso já está garantido!





Então se você está gravidinha, aproveite, não deixe de pensar no futuro do seu bebê...

Entre em contato com a Icatu seguros...




Empanadas

Uns dias atrás me bateu uma vontade de comer empanada que corri pra testar uma receita de massa e fazer em forma de pasteizinhos e deu super certo.

Anota ai:

150g de farinha de trigo
1 colher de sopa de vinagre branco ou 1 ovo
OBS: se usar o ovo talvez precise de mais farinha pra dar ponto.
3 colheres de sopa de azeite de oliva
3 colheres de sopa de leite
Sal a gosto


Misturar na farinha o sal


O azeite


Leite


Vinagre ou ovo


Sovar a massa até que ela fique lisa e homogênea.
Deixar descansar por uns 20 minutos.


Abrir a massa, eu usei a máquina, mas pode ser com rolo também.



Cortar e rechear com o recheio de sua preferência, usei carne moida com tomate e azeitonas.


Moldar os pasteis, colocar em assadeira.


Assar em forno 180º até dourar...


E esses são de uma amiga a Helena mamãe do Fernandinho que foi a primeira  a testar essa receitinha que enviei inbox pra ela antes de publicar aqui, ela fez pra festinha de escola e disse que foi um sucesso...
Ficaram lindos não ficaram?



12 dezembro 2014

Presente de Natal - Arte surpresa

Quem segue o blog sabe que somos fãs da Arte surpresa. Já falamos sobre as caixinhas super bacanas que recebemos e o tanto que Dudu pira quando elas chegam.  Quem quiser relembrar pode clicar AQUI e AQUI




Cada caixinha vem com duas atividades que encanta a familia toda. Esta foi a última que recebemos: Brinquedos Ópticos, com essa caixinha montamos nossa própria historinha, apagamos as luzes e fiquei contando pro Dudu e pedindo ajuda pra criar o que aconteceria durante a história, pra onde o principe iria, o que fazer quando a bruxa aparecia, a princesa no castelo, deixamos a imaginação fluir, tanto eu e o papai quanto Dudu que adorou entrar na contação. 


A Arte Surpresa tem várias outras opções. Que tal escolher uma delas para presentear seu filho nesse Natal? O presente, além de bacana, é mais uma forma de reunir toda a família para montar o brinquedo!

Conheça mais opções:


1)    Para crianças de até 2 anos:

Explorando o mundo sensorial
  • Atividade Um
    Minhas massinhas de modelarFaça uma massinha de modelar natural e perfeita para os bebês, deixe seu pequeno explorá-la através de várias atividades divertidas propostas no livrinho.
  • Atividade Dois
    Meu tapete sensorialExplore a percepção sensorial do bebê, com tinta caseira e vários materiais de texturas diferentes, criando um mundo de sensações!
  • Diversão incluída
    Curiosidades e brincadeiras extrasDescubra outras maneiras de estimular a percepção sensorial dos bebês!


2)    Para crianças de 3 a 7 anos:



Floresta Tropical
  • Atividade Um
    Meus sapos da lagoaPersonalize seus sapinhos e sua lagoa e divirta-se tentando lança-los na lagoa com uma catapulta de madeira natural!
  • Atividade Dois
    Meus amigos répteisSe prepare para fazer uma cobra linguaruda e um carrinho em formato de camaleão. Cuidado para não assustar ninguém com esses animais!

  • Diversão incluída
    Explorando maisDescubra muitas curiosidades sobre esse fantástico ambiente.

Instrumentos musicais
  • Atividade Um
    Meu pandeiro e meu chocalhoFaça um pandeiro e um chocalho personalizados por você.
  • Atividade Dois
    Minha gaita e meu tamborConstrua uma gaita e um tamborzinho para explorar ainda mais ritmos e notas musicais.
  • Diversão incluída
    Explorando maisChame seus amigos e familiares para tocarem na sua bandinha!


O Poder do Vento
  • Atividade Um
    Carrinho de VentoMonte dois carrinhos de vento, assopre e aposte corrida com um amigo!
  • Atividade Dois
    Biruta de VentoConstrua sua própria biruta para medir a intensidade e direção do vento.

  • Diversão incluída
    Explorando maisVocê sabe como medir a intensidade do vento? Como os cientistas fazem? Como fazer com sua biruta?

Aventura na neve
  • Atividade Um
    Tempestade de neveCrie um incrível boneco de neve preso em uma tempestade gelada!
  • Atividade Dois
    Meu pinguimMonte um lindo pinguim 3 em 1 e veja todas as coisas nas quais ele pode se transformar, com um desafio incrível no final da brincadeira!
  • Diversão incluída
    Minha tinta geladaFaça uma tinta mágica de gelo que só mostra a cor depois de alguns segundos


Conheça toda as caixas disponíveis da Arte Surpresa aqui (até dois anos de idade) e aqui (de 3 a 7 anos) e escolha a sua. É o presente PERFEITO para o natal!!!

Os preços são:

Plano Mensal
- Receba uma Caixa surpresa mensalmente
- Pagamento automático todos os meses
Cancelamento grátis a qualquer momento
R$ 39,90+ Frete

Plano Semestral
- Receba uma Caixa surpresa/mês por 6 meses
- Pagamento de 6 meses de uma única vez
10% de desconto!
R$ 215,40 + Frete

Presente / Amostra
- Quero conhecer uma Caixa Surpresa antes de assinar.
- Pagamento único.
R$ 49,90 + Frete
Presente de Natal -  Arte surpresa

Acesse o link e peça já a sua caixinha Arte surpresa e divirtam-se muito!!!!





none

02 dezembro 2014

O dia do meu desmame

Quando escrevi o post "O que aprendi com a amamentação - Parte 1"  prometi que voltaria pra contar quando o Dudu desmamasse. Pois bem, vamos lá... Morrendo de chorar rs
Vou começar do começo.



Mais ou menos uns 8 meses atrás, (desde os 3 anos por ai) Dudu vem mamando muito pouco, geralmente pra dormir apenas e até pegar no sono, ele já dorme a noite toda desde os 2 anos, e come super bem desde sempre, então a amamentação nessa idade pra gente era mais um momento nosso, de tranquilidade entre nós dois do que qualquer outra coisa, mas era bom, sempre foi, bom demais. Amei poder amamentar meu filho até não poder mais, porque foi assim que aconteceu, por ele mamar pouco, e tinha dias que não se lembrava de mamar então passavam dois, três dias sem pedir peito, e como nosso corpo é sábio ele se adequa a demanda do leite que o bebê aqui no caso criança necessita. Aos poucos senti que meu leite era minimo, mas que eu ainda tinha leite e o próprio Dudu confirmava quando eu perguntava rs. 
Passamos um momento difícil, principalmente eu. Descobri que estava grávida de seis semanas, foi uma alegria imensa, Dudu desde já, começou a ficar meio com ciúmes e aumentar a demanda de mamadas, eu estava achando o máximo, pois meu sonho era amamentar em tandem (dois ao mesmo tempo), mas, por vontade de Deus e do destino acabei perdendo o bebê que simplesmente não se desenvolveu, foi um aborto espontâneo mais bem dolorido fisicamente e emocionalmente, claro, e acredito que depois disso meu leite que pela gravidez havia aumentado, de uma hora pra outra ficou escasso pela tristeza e estresse do momento que passei. (Só uma obs não atribuo o aborto a amamentação e tenho certeza que não teve influência, creio que seja comum infelizmente acontecer, e a maioria das pessoas que contei e conversei também já tinham passado por isso). Enfim, após o ocorrido meu leite só diminuiu, Dudu começou a pedir pra mamar menos, viajei pra Sp passei um dia longe dele e pelo que me disseram ele nem procurou pelo peito, por mim sim claro, ele sentiu minha falta, mas não sentia falta do "mamá" como ele mesmo chama. 
De umas duas semanas pra cá, amamentar Dudu estava sendo bem dolorido, acredito que tenha secado de vez o leite, então ele sugava e parecia que uma faca entrava no meu seio, dava aquela ardência que eu acabava pedindo pra ele mamar devagar. Eu cheguei a mudar de assunto algumas vezes quando ele pedia pra mamar, mas acabava cedendo e deixava, acreditei que ele largaria por si só já que não tinha mais leite, mas, não foi bem assim da forma que eu pensei. Eu imaginava acordar um dia e ele dizer: - Mamãe não quero mais mamar. 
Esperei essas duas semanas amamentando mesmo sem leite pra ver se ele pararia por conta própria, mas infelizmente não ocorreu.
Ontem, eu estava mal, me sentindo a pior mãe do mundo por pensar em não dar mais o peito pra ele, e então chamei minha amiga querida Simone de Carvalho da AMS para tentar que me desse uma luz, e ela me acalmou, me mostrou que fiz tudo que estava ao meu alcance e que sim, era um desmame natural. Podia não ser da forma como eu idealizei, mas foi natural porque foi acontecendo aos poucos, com respeito, sem mentiras e o mais importante com amor, muito amor. Ela me deu uma ideia de festejar com um bolo junto com Dudu uma nova etapa da vida dele. E assim eu fiz, não levei ele na escola pra passar o dia bem juntinho, fizemos um sorvete de inhame com cacau (que falando assim parece ruim, mas chicabom que me desculpe o meu de inhame ficou bem melhor rs) expliquei pra ele que o mamá da mamãe não tinha mais leite, que tinha acabado e que tinha chegado a hora dele dar tchau, perguntei se ele queria se despedir, ele disse que não e eu compreendi. Fizemos o sorvete de inhame e disse que a partir daquele dia, ele não mamaria mais, porém eu estaria ao lado dele pra sempre, ele poderia ficar no meu colo o tempo que fosse, eu daria beijos e abraços sempre que ele necessitasse de um carinho e um aconchego, ele me olhava e dizia: "Mas, mãe eu adoro mamá", gente que difícil, pensa na pessoa chorando mais que a cria? pois então, mas continuei, e dizia pra ele:
Mamãe também amava te dar mamá, você sabe disso, mas agora precisamos passar pra essa outra fase juntos ok? Ele fez que sim com a cabeça, e continuamos brincar de carrinho.
Ele ainda pediu ontem uma vez, e eu o lembrei da nova fase. 
Quando fomos dormir ele não pediu, acordou hoje e pediu café da manhã, passou o almoço e ele não pediu, gente ele já me esqueceu? assim tão fácil? rs 
Chegou da escola, pediu pra ir na piscina e pediu o sorvete, é... Acho que ele estava mais preparado do que eu imaginava, quem não estava era eu. 
Na verdade eu fico feliz em ver que ele vai superar, acredito que bem mais fácil que eu, que já estou morrendo de saudade daquele meu pequeno no meu colo mamando. 

E esse sorriso, é apenas isso que eu preciso pra ser feliz, saber que ele também está feliz!!!



Se posso dar um conselho, mamães amamentem, aproveitem, é um tempo que não volta mais... 

Foram 3 anos e 8 meses de amor liquido, esse amor que já existia desde o momento de sua concepção e que por meio da amamentação foi seu alimento, seu refúgio e seu aconchego, mas a hora de cortar esse laço tão importante para nós foi chegando devagarinho até que você aprendeu a voar com suas próprias "asas", pode crescer meu filho, mas lembre-se que sempre estarei ao seu lado... 
Te amo,

Ass: Mamãe.

26 novembro 2014

Evento Top Mothers


No dia 11 de novembro foi o dia do evento de lançamento da rede que faço parte junto com mais 7 blogueiras queridas do universo materno, o TopMothers. Fui para Sampa participar e aproveitar conhecer as outras meninas que eu ainda não tinha visto pessoalmente. Foi um dia super bacana e muito divertido junto com todas elas. Como sou do Rio, precisei me hospedar em um hotel perto do evento... E que hotel, viu! O Tryp Jesuíno Arruda Atendimento de primeira desde a recepção. Quando entrei no quarto e vi aquela cama king só pra mim... Imagina a felicidade depois de quase quatro anos dividindo uma cama de casal com dois meninos. Daí vocês pensam "Nossa ela aproveitou se jogou de braços abertos na cama enorme", que nada, eu sou mãe coruja e morri de saudade e senti falta dos meus dois amores (marido e Dudu) ao meu lado pra curtir aquela camona também. Hahaha, mães, vai entender... rs


Mas o que me chamou atenção e que amei a ideia foi que o hotel oferece um espaço para chá de bebê, super lindo e aconchegante.



São mais de 50 itens oferecidos: café, leite, cinco variedades de chás e chocolate em pó, três variedades de sucos, garrafa de água com e sem gás , salada de frutas no copo, três variedades de frutas da estação fatiadas, Corn flakes com e sem açúcar, granola, queijo mussarela, queijo prato, queijo branco, presunto cozido, salame, blanquet de frango, três variedades de iogurtes de fruta e iogurte natural, mini croissant simples, mini francês, mini gergelim, mini rocambole de goiaba, mini folhado de abacaxi, mini bolinho de chuva, manteiga com sal, manteiga sem sal, três variedades de geleias, duas variedades de geleias light e mel, Bolo de cenoura com cobertura de chocolate, bolo de fubá, pão de queijo, mini panqueca com duas caldas de frutas naturais e ovos mexidos.







A decoração fica por conta do cliente, que deve realizar sua reserva no hotel com antecedência de pelo menos 72 horas. Podem ser atendidos grupos de 25 a 70 pessoas.





Onde: TRYP Jesuíno Arruda/Restaurante Novedad – Rua Jesuíno Arruda, 806 – Itaim Bibi – São Paulo 

Quanto: R$ 37 por pessoa – Mínimo grupos de 25 pessoas. Necessário efetuar reserva com 72 horas de antecedência, sujeito à disponibilidade. Não está incluso no preço: 10% de taxa de serviço e demais despesas extras. Caso haja cancelamentos após confirmação final será cobrado tarifa integral por pessoa/confirmações. Disponibilidade para decoração personalizada pelo cliente.


Informações e reservas: (11) 3704-4400 – aeb.jesuino@tryphotels.com.br 



20 novembro 2014

12 dicas para você também ter um "Dudu" em casa.

Ontem, publiquei a foto abaixo e o comentário que mais li foi: "Nossa, sonho de toda mãe" ou "Queria que meu filho comesse assim" e vários desse mesmo estilo. Então, por isso eu resolvi reunir algumas dicas do que eu fiz pro Dudu desde a introdução alimentar e que acredito que tenham sido fundamentais pra que hoje quase aos 4 anos ele coma bem como todos sabem, e mostrar que não fiz nada demais e que não tem mistério e qualquer um pode ter um "Dudu" em casa.


 Vamos as Dicas:

1 - Desde a introdução alimentar ofereça a maior variedade possível de alimentos pro seu bebê, mesmo que vocês adultos da casa torçam o nariz.

2 - Comida de bebê precisa ser gostosa, não é porque ele é um bebê que precisa comer papinha insossa, abuse dos temperinhos naturais eles são tudo de bom e um super aliado ao paladar em criação.

3 - Deixe que seu filho pegue os alimentos, ele vai amassar, cheirar, provar e principalmente criar uma intimidade com a comida, que faz parte do aprendizado.

4 - Nunca force seu filho comer, lembre se que todos temos fases, temos dias bons e dias ruins e que nem sempre seu filho vai bater um pratão, forçando seu filho a comer, ele vai criar uma má relação com a comida, não ofereça bônus (se comer, te dou um pirulito depois), trate a alimentação com naturalidade, igual dar banho, trocar fraldas, comer faz parte de nossas necessidades, nenhuma criança morre de fome em casa que tem comida.

5 - Até 1 ano, crianças precisam de frutas, e os alimentos dos 5 grupos alimentares, além do leite materno ou a fórmula PURA. Esqueçam biscoitinhos, pãozinhos e outros inhos...

6 - Até 2 anos é zero açúcar, parece radical? pois é, mais depois na idade certa você pode dar uma "liberada" de vez em quando que não influencia no paladar que já foi criado. E quando eu digo zero açúcar inclui tudo que muitos acham comum crianças consumirem como essas farinhas de mingau, biscoitos, petit suisse, achocolatados, esses alimentos são vazios e puro açúcar, não nutrem e atrapalham no processo de criação de paladar e reconhecimento do saudável, lembrando que bebês e crianças aceitam melhor aquilo que estão familiarizados, então se você quer seu filho comendo verduras e legumes, ofereça verduras e legumes.

7 - Aquela tranqueira, aquele refri que você chora só de pensar seu filho bebendo, você sabe que um dia vai ser inevitável, mas até esse dia chegar evite. Segure ao máximo de tempo as guloseimas, eu sou mãe e sei como é difícil negar um chocolatinho, um sorvetinho, uma balinha, um pirulito, uma batatinha, um cachorro quente, um mac, um refri, enfim, "coisas de crianças" porque infelizmente,  a grande maioria tem essa ideia de que criança precisa comer esses alimentos, mas aproveite enquanto seu filho não sabe pedir pra não oferecer, e depois com o tempo explique o porque essas guloseimas só pode as vezes, ou porque não pode... Por aqui, escolhemos liberar algumas coisas, e outras ele não comeu até hoje e vou levar assim até quando eu conseguir, não proíbo, porque acredito que o proibido é mais gostoso, mas explico e dou a ele o poder de decisão, e até hoje tem escolhido o caminho que está acostumado dentro de casa.


8 - Mantenha a rotina familiar saudável, casa que tem comida saudável, a alimentação flui com mais tranquilidade, e claro coma saudável junto com seu filho, não adianta oferecer legumes e verduras e cair de boca no sanduba rs. Faça as refeições (pelo menos uma do dia) junto com seu filho.

9 - Deixe as frutas sempre a disposição, troque o armário de guloseimas e biscoitinhos para belisquetes pelas fruteiras com frutas lavadas e sempre a disposição, quando seu filho pedir algo, ofereça a fruta.

10 - Pode parecer chato, pode parecer dificil, mas é apenas questão de hábito, ter um planejamento ajuda fugir dos fast foods e congelados, prepare um cardápio pra semana, assim vocês não caem na tentação de colocar uma lasanha congelada no micro ou apenas jogar o macarrão de 3 minutos na água, falando em congelados, os caseiros daquela comida que você fez a mais um dia, salva um jantar na correria ;)

11 - Tenha paciência, as vezes as crianças não comem mesmo, as vezes tem fases que rejeitam tal alimento, mas tudo passa, não caiam na tentação da besteirinha ou do não saudável só pra "pelo menos comeu alguma coisa". Depois é mais difícil voltar atrás.

Eu poderia ficar aqui pra sempre escrevendo dicas rs

12 - Coma comida de verdade,  quanto menos produtos industrializados, cheios de sódio, açúcar, corantes e aditivos, mais seu filho vai se acostumar a comer o que precisa comer.

Aproveitem, vocês estão criando um paladar do zero, e pro seu filho gostar de coisas naturais e saudáveis só depende de você. Eles tem uma vida inteira para comer, deixem a primeira infância com a lembrança de uma alimentação saudável.
A melhor herança que você pode deixar pro seu filho é a saúde e a criação de bons hábitos alimentares.


Como internet é uma coisa bem complicada de se trabalhar, porque cada um interpreta como quer o que lê, deixo aqui bem claro que essas são dicas que EU fiz pro DUDU e obtive sucesso e que não é garantia de nada na casa de ninguem. Agora com base em experiência com as crianças que tenho dado consultoria posso garantir que manter uma alimentação saudável desde o inicio é meio caminho andado ;)

Bjos em todos!!!!

11 novembro 2014

Muffin surpresa.



Tem dias que a correria é tão grande que eu tento fazer algo simples que facilite o jantar de todos aqui de casa, esse bolinho é super rápido e pode ser oferecido com um arroz, feijão e uma saladinha por exemplo que fica um jantar super bacana e simples... Fiz em 30 minutinhos, olha que moleza...

Usei:

120ml de leite A (quem tem filho alérgico pode fazer com água).
1 xícara de farinha de trigo orgânica
1 ovo  caipira
Sal rosa
1 colher de sopa bem cheia de azeite extra virgem
1 colher de sopa de fermento em pó
Queijo parmesão ralado (opcional)
Brócolis e couve flor cozido no vapor.


Primeiro bata a clara em neve e reserve.


Em um bowl misture, a gema, o leite, sal e o azeite...


Assim...


Depois acrescente a farinha


O fermento


Por último a clara em neve e misture levemente de baixo pra cima.


Coloque em forminhas o vegetal (brócolis/couve flor) e a massa em volta.


Cubra com o queijo ralado e leve ao forno pré aquecido 180º por aproximadamente 15 minutos.


Prontinho...


Além de lindo ficaram deliciosos...