Publicidade | Anuncie
Destaques

Petit suisse

Ao contrário do que anunciava a propaganda ele não vale por um bifinho nem por 1 iogurtinho, porque na verdade ele não pode ser considerado iogurte, [...]

Meu filho não come

Essa frase é a que mais escuto, mais recebo email de queixas, e comentários no blog. Não tenho formação especifica para poder escrever teses sobre esse assunto [...]

Leites e fórmulas

Não há dúvidas que o leite materno é o melhor leite que o bebê possa receber, porém sabemos que... [...]

Postagens

20 novembro 2014

12 dicas para você também ter um "Dudu" em casa.

Ontem, publiquei a foto abaixo e o comentário que mais li foi: "Nossa, sonho de toda mãe" ou "Queria que meu filho comesse assim" e vários desse mesmo estilo. Então, por isso eu resolvi reunir algumas dicas do que eu fiz pro Dudu desde a introdução alimentar e que acredito que tenham sido fundamentais pra que hoje quase aos 4 anos ele coma bem como todos sabem, e mostrar que não fiz nada demais e que não tem mistério e qualquer um pode ter um "Dudu" em casa.


 Vamos as Dicas:

1 - Desde a introdução alimentar ofereça a maior variedade possível de alimentos pro seu bebê, mesmo que vocês adultos da casa torçam o nariz.

2 - Comida de bebê precisa ser gostosa, não é porque ele é um bebê que precisa comer papinha insossa, abuse dos temperinhos naturais eles são tudo de bom e um super aliado ao paladar em criação.

3 - Deixe que seu filho pegue os alimentos, ele vai amassar, cheirar, provar e principalmente criar uma intimidade com a comida, que faz parte do aprendizado.

4 - Nunca force seu filho comer, lembre se que todos temos fases, temos dias bons e dias ruins e que nem sempre seu filho vai bater um pratão, forçando seu filho a comer, ele vai criar uma má relação com a comida, não ofereça bônus (se comer, te dou um pirulito depois), trate a alimentação com naturalidade, igual dar banho, trocar fraldas, comer faz parte de nossas necessidades, nenhuma criança morre de fome em casa que tem comida.

5 - Até 1 ano, crianças precisam de frutas, e os alimentos dos 5 grupos alimentares, além do leite materno ou a fórmula PURA. Esqueçam biscoitinhos, pãozinhos e outros inhos...

6 - Até 2 anos é zero açúcar, parece radical? pois é, mais depois na idade certa você pode dar uma "liberada" de vez em quando que não influencia no paladar que já foi criado. E quando eu digo zero açúcar inclui tudo que muitos acham comum crianças consumirem como essas farinhas de mingau, biscoitos, petit suisse, achocolatados, esses alimentos são vazios e puro açúcar, não nutrem e atrapalham no processo de criação de paladar e reconhecimento do saudável, lembrando que bebês e crianças aceitam melhor aquilo que estão familiarizados, então se você quer seu filho comendo verduras e legumes, ofereça verduras e legumes.

7 - Aquela tranqueira, aquele refri que você chora só de pensar seu filho bebendo, você sabe que um dia vai ser inevitável, mas até esse dia chegar evite. Segure ao máximo de tempo as guloseimas, eu sou mãe e sei como é difícil negar um chocolatinho, um sorvetinho, uma balinha, um pirulito, uma batatinha, um cachorro quente, um mac, um refri, enfim, "coisas de crianças" porque infelizmente,  a grande maioria tem essa ideia de que criança precisa comer esses alimentos, mas aproveite enquanto seu filho não sabe pedir pra não oferecer, e depois com o tempo explique o porque essas guloseimas só pode as vezes, ou porque não pode... Por aqui, escolhemos liberar algumas coisas, e outras ele não comeu até hoje e vou levar assim até quando eu conseguir, não proíbo, porque acredito que o proibido é mais gostoso, mas explico e dou a ele o poder de decisão, e até hoje tem escolhido o caminho que está acostumado dentro de casa.


8 - Mantenha a rotina familiar saudável, casa que tem comida saudável, a alimentação flui com mais tranquilidade, e claro coma saudável junto com seu filho, não adianta oferecer legumes e verduras e cair de boca no sanduba rs. Faça as refeições (pelo menos uma do dia) junto com seu filho.

9 - Deixe as frutas sempre a disposição, troque o armário de guloseimas e biscoitinhos para belisquetes pelas fruteiras com frutas lavadas e sempre a disposição, quando seu filho pedir algo, ofereça a fruta.

10 - Pode parecer chato, pode parecer dificil, mas é apenas questão de hábito, ter um planejamento ajuda fugir dos fast foods e congelados, prepare um cardápio pra semana, assim vocês não caem na tentação de colocar uma lasanha congelada no micro ou apenas jogar o macarrão de 3 minutos na água, falando em congelados, os caseiros daquela comida que você fez a mais um dia, salva um jantar na correria ;)

11 - Tenha paciência, as vezes as crianças não comem mesmo, as vezes tem fases que rejeitam tal alimento, mas tudo passa, não caiam na tentação da besteirinha ou do não saudável só pra "pelo menos comeu alguma coisa". Depois é mais difícil voltar atrás.

Eu poderia ficar aqui pra sempre escrevendo dicas rs

12 - Coma comida de verdade,  quanto menos produtos industrializados, cheios de sódio, açúcar, corantes e aditivos, mais seu filho vai se acostumar a comer o que precisa comer.

Aproveitem, vocês estão criando um paladar do zero, e pro seu filho gostar de coisas naturais e saudáveis só depende de você. Eles tem uma vida inteira para comer, deixem a primeira infância com a lembrança de uma alimentação saudável.
A melhor herança que você pode deixar pro seu filho é a saúde e a criação de bons hábitos alimentares.


Como internet é uma coisa bem complicada de se trabalhar, porque cada um interpreta como quer o que lê, deixo aqui bem claro que essas são dicas que EU fiz pro DUDU e obtive sucesso e que não é garantia de nada na casa de ninguem. Agora com base em experiência com as crianças que tenho dado consultoria posso garantir que manter uma alimentação saudável desde o inicio é meio caminho andado ;)

Bjos em todos!!!!

11 novembro 2014

Muffin surpresa.



Tem dias que a correria é tão grande que eu tento fazer algo simples que facilite o jantar de todos aqui de casa, esse bolinho é super rápido e pode ser oferecido com um arroz, feijão e uma saladinha por exemplo que fica um jantar super bacana e simples... Fiz em 30 minutinhos, olha que moleza...

Usei:

120ml de leite A (quem tem filho alérgico pode fazer com água).
1 xícara de farinha de trigo orgânica
1 ovo  caipira
Sal rosa
1 colher de sopa bem cheia de azeite extra virgem
1 colher de sopa de fermento em pó
Queijo parmesão ralado (opcional)
Brócolis e couve flor cozido no vapor.


Primeiro bata a clara em neve e reserve.


Em um bowl misture, a gema, o leite, sal e o azeite...


Assim...


Depois acrescente a farinha


O fermento


Por último a clara em neve e misture levemente de baixo pra cima.


Coloque em forminhas o vegetal (brócolis/couve flor) e a massa em volta.


Cubra com o queijo ralado e leve ao forno pré aquecido 180º por aproximadamente 15 minutos.


Prontinho...


Além de lindo ficaram deliciosos...



07 novembro 2014

Empadão de frango com palmito



Gente que dificuldade de postar que ando tendo ultimamente, acho que preciso de mais uns 2 clones meus pra me ajudar rs... Bom, como prometi está ai a receita do empadão de palmito que postei na minha página pessoal esses dias e a galera pediu a receita. Demorei, mas vai valer a pena quando você fizer ai na sua casa...

Para a massa usei:

500g de farinha de trigo orgânica (pode ser metade integral metade branca também, toda integral fica meio durinha)
200g de manteiga com sal (leia os ingredientes e escolha a que é só creme de leite e sal)
1 colher de fermento
3 ovos caipira
Sal a gosto



Misture a manteiga com a farinha, os ovos, o fermento e o sal...
Com a mão mesmo, a manteiga tem que estar fria e conforme você vai trabalhando a massa ela vai incorporando na farinha...


A massa fica assim, um pouco esfarelento mas não muito.


Cubra uma forma de fundo removível, no fundo e nas laterais com essa massa, deixe uma camada fina... (lembre se de guardar massa pra tampar o empadão).


Assim..


Para o recheio usei:

Meio peito de frango cozido com agua sal e tomilho e desfiado
Palmito de brejauba (mas pode ser outro palmito fresco)
Tomate
Cebola
Cheiro verde
Açafrão
1 xícara de leite ou de água
1 colher de sopa cheia de fécula de batata



Cozinhar o frango e desfiar... (sabem aquela técnica que rolou na web de sacudir a panela? então funciona, amei, e agora sou mais feliz e vou fazer muito mais receitas com frango desfiado rsrs)


Refogar no azeite alho e cebola


O frango desfiado


Pistilos de açafrão (opcional)


Adicionar o tomate em cubinhos e o palmito.


Deixar tudo cozinhar com a panela tampada e fogo baixo.


Dissolver a fécula no leite ou na água (usei leite)


Misturar com o recheio pra dar cremosidade.


Assim...


Rechear o empadão.


Abrir a massa com auxilio de um papel filme...


Cobrir todo o empadão...


Pincelar uma gema por cima e levar ao forno por aproximadamente 30 minutos 180º.



Delicia...


Ficou incrível...


03 novembro 2014

Antepasto de Berinjela



Comprei umas berinjelas orgânicas lindas e me bateu aquela vontade de fazer um antepasto que minha mãe faz em casa, liguei pra ela na mesma hora e peguei a receita, fiz algumas pequenas mudanças, mas, logo coloquei em prática... Super fácil e uma delicia pra comer com pão, com macarrão e até pura eu comi de tão deliciosa que ela é...

Usei:
2 berinjelas
3 tomates
1 cebola roxa
Pimentão usei só o verde ( pra quem gosta pode usar o verde o amarelo e o vermelho dá uma cor incrível)
Tomilho
Alho
E Azeite, muito azeite extra virgem.




Fatiei em rodelas e fatias finas os ingredientes.


Em uma forma de barro (mas pode ser a que você tiver em casa), coloquei no fundo azeite, depois uma camada de berinjela...


Camada de tomate, cebola, alho, sal a gosto, ramos de tomilho e bastante azeite, gente bastante mesmo.


Mais uma camada de berinjela e dos restantes dos vegetais e dessa vez os pimentões...


Rega com azeite, acerta o sal a gosto...


Cobre com papel laminado...
E leva ao forno 180° por em média 40 minutos ou até que estejam molinhos...


Assim...


Amassei com um garfo...

Prontinho!!!


Gente, sensacional!!!
Servi com essa torradinha de pão sirio que fiz com alecrim e azeite...


A fralda do meu filho

Assim que nascem, os bebês são tão frágeis que precisam de um cuidado todo especial. Por isso, produtos específicos para recém-nascidos são a minha escolha para esse período delicado da vida da criança e da nova família. E foi pensando nas tantas mudanças na rotina de uma nova mãe que Huggies lançou sua linha Recém-Nascido – afinal, os primeiros momentos do seu bebê precisam ser de alegria e não de preocupações...


Quando Dudu nasceu, fiquei na dúvida sobre usar fraldas tamanho RN ou não. Infelizmente, naquela época o que mudava era apenas o tamanho mesmo. Já estou planejando meu próximo filho (que espero não demorar muito, rs!) e, com certeza, vou experimentar essa nova opção de fraldas da Huggies. Elas possuem camada externa suave com toque de algodão para a pele do bebê, que é muito delicada. Além disso, são hipoalergênicas e também possuem um sistema de absorção que evita que o cocô líquido vaze.



Além da fralda, a linha Recém-Nascido de Huggies também vem com lenços umedecidos que tem fórmula com 98% à base de água e sem perfume.


Para completar o cuidado, o sabonete em espuma que vem em embalagem com pump – o que ajuda MUITO na hora do banho. Ele é feito com extrato de algodão e ingredientes naturais, permitindo que seja aplicado diretamente na pele do bebê e utilizado da cabeça aos pés, sem nenhuma possibilidade de irritar os olhos do bebê.

E você? Já utilizou algum produto dessa linha no seu filho? Como foi a experiência?